Menu
Resenhas

Inferno: comédia, de Dante Alighieri

Inferno: comédia, de Dante Alighieri
Inferno: comédia, de Dante Alighieri

Vamos falar da nova tradução do livro Inferno: comédia a primeira parte de A divina Comédia, de Dante Alighieri. Essa é uma edição bilingue com gravuras publicado pela Editora Companhia das Letras.

Primeira parte da Comédia de Dante, Inferno é uma viagem às profundezas, para onde foram condenados os que não agiram de acordo com a ética cristã. O poeta romano Virgílio será o responsável por guiar Dante nesse trajeto. 

Contando a história de uma alma cristã que parte da consciência do pecado (Inferno), passa pela purificação interior (Purgatório) e chega à visão de Deus (Paraíso), Dante dialoga com as tradições da poesia clássica greco-latina, dos textos bíblicos e até do pensamento árabe – em uma obra de tal força que ainda hoje mantém o seu vigor literário e nos convoca a relê-la.

A nova e primorosa tradução dos professores Emanuel França de Brito (UFF), Maurício Santana Dias (USP) e Pedro Falleiros Heise (UFSC) traz ao leitor brasileiro um texto com o mesmo rigor formal de Dante, reescrevendo as idiossincrasias e os jogos alusivos que o poeta estabelece com sua tradição e sem deixar de considerar o repertório poético-musical de nosso tempo. Esta edição de Inferno: comédia conta também com gravuras impactantes de Evandro Carlos Jardim, um dos maiores artista brasileiros.

Fonte da Sinopse: Companhia das Letras
Inferno: comédia

O que você precisa saber sobre A Divina Comédia, esse é uma dos maiores clássicos da história da literatura,  uma história contada em 3 atos: Inferno, Purgatório e Paraíso. Aqui vamos falar apenas de Inferno: comédia. Combinado?

A jornada aqui mistura autor e obra então muito do que o autor acreditava está escrito em cenas subjetivas e algumas passagens bem diretas. Para uma contextualização sobre quem é Dante Alighieri confira a resenha sobre a biografia do autor aqui no blog.

Inferno: comédia é uma história cantada em estrofe, o que deixa  a leitura um pouquinho mais dificil mas absurdamente mais interessante, mesmo que você não saiba Italiano essa edição Bilíngue é um PRESENTE para qualquer leitor; não importa o quanto de tempo você leve para ler e entender, você nunca mais será a mesma pessoa e a cada leitura, novas nuances vão te encantar.

O Inferno: comédia é composto por 34 cantos, divididos em 9 círculos do inferno e a descida de Dante na companhia de Virgílio é o plot principal deste volume, os círculos são: Limbo; Vale dos Ventos; Lago da Lama; Colinas de Rocha; Rio Estige; Cemitério de Fogo; Vale do Flegetonte; Malebolge e por fim e fundo Lago Cócite.

LASCIATE OGNI SPERANZA, VOI CH’INTRATE / DEIXAI TODA A ESPERANÇA, VÓS QUE ENTRAIS

Dante Alighieri vai nos contar em Inferno: comédia uma epopeia onde será acompanhado por Virgílio (aquele de outro clássico, a Eneida) em uma jornada de remissão e amor para o encontro de sua amada Beatrice. Prepare-se para questionar toda a eternidade.

Nessa edição de Inferno: comédia veremos primeiro algumas decisões técnicas de tradução de particularidades do verso dantesco, antes de cada texto dos cantos há uma espécie de “resuminho” do que acontecerá no canto, uma linha do tempo, a relação da numerologia com a composição da obra e particularidades da criação do título.

Por mim se vai à cidade dolente,
Por mim se vai à sempiterna DOR,
Por mim se vai entre a perdida gente […]

Alguns círculos em Inferno: comédia

No Limbo estão não cristãos prudentes e não batizados e com certeza você vai reconhecer alguns nomes de personagens que o Dante lá encontra, como: Aristóteles, Cícero, Homero, Sócrates, Hipócrates e Júlio César.

No segundo círculo, l vale dos ventos, por exemplo encontramos a Cleópatra, consegue adivinhar qual o tipo de pessoa está condenada ao segundo círculo do inferno? Aos luxuriosos, a Itália do século XIII pode ser bem contemporânea em alguns machismos

O Lago da lama, círculo três tem um punhado de políticos, mas calma, ainda não estamos falando de corrupção e sim de personalidades que se entregaram a gula (imagina se existissem cartões corporativos naquela época? Já saberíamos que seria encontrado lá).

O quarto círculo é reservado aos avarentos e aos gananciosos que estão condenados a empurrar grandes pedras em sentidos opostos fazendo que de forma cíclica as cargas se choquem. O rio estige, círculo quinto é a condenação dos raivosos que batalham contra a própria raiva.

A mesma língua que antes me picou
e metingiu as faces com pujança,
depois com seu remédiome curou,
assim ouvi que costumava a lança
de Aquiles e seu pai antes ferir
e depois socorrer com segurança.

O sexto círculo é o círculo dos hereges, daqueles que foram contra as leis sacerdotais, e o nome já entrega  o modelo de castigo, este é o cemitério de fogo. O vale do flegetonte é o círculo sétimo reservado para três tipos de almas: os que cometeram violência contra os outros, os assassinos, os que cometeram contra si próprio, os suicidas e por fim os que causaram violência contra Deus violentos contra Deus por serem blasfemo.

Inferno: comédia

O oitavo círculo é o nível reservado aos fraudadores, encaminhando-se para o décimo e último e mais profundo nível percebemos que Dante reconhece muito dos seus ao longo do percurso. Para a nossa surpresa o inferno de Dante é frio e não quente, o início é largo e quanto mais se desce, mais estreito e difícil o caminho se torna. Para o último nível, onde Lúcifer reside,  dá-se o nome de Lago Cócite onde encontram-se aqueles que traíram os seus, como Judas que traiu Cristo por exemplo.

As pessoas que estão no inferno todas sem exceção não assumem a responsabilidade pelo que fazem, o trabalho do autor é retratar sua época, sua língua, suas crenças e a nossa que apreciar, ler, anotar, reler, esmiuçar todas as personalidades que aparecem; tomar para si a responsabilidade de pensar o que nos é contado.

O livro Inferno: comédia é, sem dúvida, uma leitura favoritada e uma edição indispensável na estante .

Inferno: comédia
Autor
: Dante Alighieri
Tradução: Emanuel França de Britto, Maurício Santana Dias e Pedro Falleiros Heise
Editora: Companhia das letras | Páginas: 552
ISBN: 9786559213184
Para ler: https://amzn.to/3XPSbyo

Avaliação: 5 de 5.


Ósculos e Amplexos, Karina

Sobre o autor

Biomédica por formação, bookaholic por paixão!

Sem comentários

    Deixe seu comentário