Listas Literárias

    15 livros que falam sobre o nordeste | Dia do Nordestino

    8 de outubro de 2020
    15 livros que falam sobre o nordeste

    Hoje, dia 08/10, é celebrado o Dia do Nordestino. E para comemorar a data preparei uma lista com 15 livros que falam sobre o Nordeste e toda a maravilhosidade da melhor região do Brasil.

    São histórias que retratam a cultura e o povo nordestino mostrando suas características e personalidade, falando das belezas naturais da região contadas por autores nordestinos que consolidaram o seu nome na literatura brasileira.

    Vamos ao livros:

    15 livros que falam sobre o nordeste

    A lista que eu preparei tem um pouco de cada coisa: tem romance, tem biografia, poesia, tem livro clássico, autor contemporâneo, livro de contos e graphic novel. É uma lista bem diversa, mas que eu quero aumentar e torná-la mais diversa ainda.

    • Os Sertões – Euclides da Cunha
    • Menino do Engenho – José Lins do Rego
    • Auto da Compadecida – Ariano Suassuna
    • Vidas Secas – Graciliano Ramos
    • A cabeça do Santo – Socorro Acioli
    • Maria Bonita: Sexo, violência e mulheres no cangaço – Adriana Negreiros
    • Capitães da Areia – Jorge Amado
    • Canto lá que eu canto cá – Patativa do Assaré
    • O quinze – Rachel de Queiróz
    • A bagaceira – José Américo de Almeida
    • Os desvalidos – Francisco J. C. Dantas
    • Redemoinho em dia quente – Jarid Arraes (resenha aqui)
    • Morte e Vida Severina – João Cabral de Melo Neto
    • Grande Sertão: Veredas – João Guimarães Rosa
    • Roseira, Medalha, Engenho e outros contos – Jefferson Costa

    Eu preparei também um vídeo lá no canal falando um pouco mais sobre esses livros que falam sobre o nordeste brasileiro com mais detalhes.

    Essa é uma lista prévia, inicial. A intenção é aumentar ainda mais ela com novas recomendações literárias que eu for encontrando e lendo, principalmente de autores novos e pouco conhecidos. Tem alguma dica de livro para recomendar? Deixa aí nos comentários.

    FELIZ DIA DO NORDESTINO!


    Mil beijos e até mais