Resenhas

Livro Ele, de Elle Kennedy e Sarina Bowen

16 de novembro de 2019
Livro Ele, de Elle Kennedy e Sarina Bowen
Livro Ele

No livro Ele, James Canning nunca descobriu como perdeu seu melhor e mais próximo amigo. Quatro anos atrás, seu tatuado, destemido e impulsivo companheiro desde a infância simplesmente cortou contato. O que aconteceu na última noite daquele acampamento de verão, quando tinham apenas 18 anos, não muda uma verdade simples: Jamie sente saudade de Wes.
O maior arrependimento de Ryan Wesley é ter convencido seu amigo extremamente hétero a participar de uma aposta que testou os limites da amizade deles. Agora, prestes a se enfrentarem nos times de hóquei da faculdade, ele finalmente terá a oportunidade de se desculpar. Mas, só de olhar para o seu antigo crush, Wes percebe que ainda não conseguiu superar sua paixão adolescente.
Jamie esperou bastante tempo pelas respostas sobre o que aconteceu com seu relacionamento com Wes, mas, ao se reencontrarem, surgem ainda mais dúvidas. Uma noite de sexo pode estragar uma amizade? Essa e outras questões sobre si mesmos vão ter que ser respondidas quando Wesley e Jamie se veem como treinadores no mesmo acampamento de hóquei.
Fonte da sinopse Editora Paralela

No mês de JUNHO comemora-se o “mês do orgulho LGBTQA+” mais especificamente o dia 28 de junho é conhecido como o dia internacional do orgulho LGBTQA+, mas porquê esse dia e porque essa informação estão na resenha?

Há 50 anos atrás no dia 28 de junho de 1969 houve nos Estados Unidos da América uma invasão policial a um bar Gay, o Stonewall Inn, em Nova Iorque, essa invasão foi episódio marcado por repressão e violência; a violência que essa comunidade sofre por muitos anos foi mascarada, mas de passinhos em passinhos os  direitos de igualdade têm sido conuqistados e isso tudo está nessa resenha justamente porque a literatura e a representatividade tem um grande papel nessas conquistas.

No dia seguinte a essa violência toda lá no Stonewall Inn, varias manifestações tomoram conta da cidade  de Nova Iorque e atingiu outras cidades dos EUA. Desde então a data passou a ser considerada o marco zero da luta pelos direitos civis da população LGBTQA+ em todo o mundo. E se hoje um livro com temática LGBTQA+ faz o sucesso que faz até fora do publico “alvo” do livro é porque a luta pelos direitos de igualdade tem conquistado avanços.

Livro Ele, de Elle Kennedy e Sarina Bowen

No Livro Ele nós vamos conhecer a história de dois amigos que se conheceram num acampamento de férias onde ambos jogavam Hockey. James Canning e Ryan Wesley (Wes) tiveram vidas completamente diferentes, familias completamente opostas, mas o acampamento de férias é o lugar onde ambos têm as melhores lembranças do periodo da vida onde as coisas não eram tão complicadas. Esses amigos cresceram, descobriram muitas coisas juntos, se apoiaram, mas a vida levou cada um para um canto e quando eles se reencontram algumas situações precisam ser esclarecidas.

A memória das minhas atitudes egoístas é como um soco no estômago. Merda. Fui um péssimo amigo. Uma péssima pessoa. Era tão mais fácil lidar com a vergonha quando Canning estava a milhares de quilômetros de distância, mas agora […] Sinto o medo subir pela garganta. Vou ver o cara em Boston durante as semifinais. Provavelmente vou até jogar contra ele.

Como já era de se esperar eles cresceram e se tornaram jogadores habilidosos de Hockey. Estão prestes a se tornarem jogadores profissionais e é exatamente o Hockey que vai reaproximá-los novamente. Eles nunca foram vizinhos, o contato era pouco ao longo dos anos e o que valia era aquele período onde a pratica do Hockey transformava a vida ainda pra melhor. Boa parte do livro narra exatamente como o passado foi intenso e isso cria um background que você compra a amizade deles em menos de duas páginas.

Com pontos de vista alternados, vamos descobrir que Wes sempre soube claramente qual era sua opção sexual e talvez seus desejos e inseguranças mantiveram James afastado por mais tempo do que deveria. James foi afastado por Wes sem explicação nenhuma durante 4 anos e essa reaproximação promete muitos esclarecimentos.

O livro Ele é de conteúdo adulto, no qual nenhuma cena de sexo está lá apenas para encher o espaço. Elas são bem construídas, bem hot e entregam ótimos questionamentos.

Me sinto o mesmo de sempre. Mas ter passado a noite com um homem não deveria me fazer sentir diferente? Tipo gay? Tenho vontade de rir. O que é se sentir gay? E, porra, fico surpreso ao perceber que estou com o pau duro. E não é um simples caso de ereção matinal. É por causa do Wes, porque fiquei pensando no que rolou ontem à noite.

Seja uma relação homoafetiva ou uma relação heteroafetiva, relacionar-se com o seu melhor amigo(a) sexualmente pode causar insegurança em várioooos aspectos e com eles não seria diferente. Aqui cabe todo aquele clichê básico de como não destruir nossa relação, vamos aproveitar o momento e esquecer nossas decisões futuras.

Livro Ele

O que me ganhou no livro Ele foi que não há drama sobre indecisão sexual por parte do James (que se descobre Bissexual), James simplesmente acolhe seus sentimentos e o vive da melhor maneira possivel. Mas confesso que o Wes, que sempre foi assumidamente gay, me incomodou um pouco quando exagera  na insegurança de ter que “concorrer” pela atenção com as mulheres (poxa custa só acreditar no James?). Quando uma amiga “colorida” do James aparece na história, o “piti” sem noção do Wes me fez revirar os olhos, mas relevemos quando apaixonados todos temos a tendencia de pensar menos racionalmente.

Toda vez que nos beijamos, eu me apaixono ainda mais por ele, e não tem nada a ver com sexo ou desejo, É ele. Sua proximidade, seu cheiro, o jeito como me acalma.

Mas nem tudo são flores. Cada um vai para um canto com seus respectivos times. Cada um precisa lidar com a família de uma maneira. A decisão entre abrir a relação dos dois para outras pessoas pode envolver diversos aspectos e acompanhar todas essas escolhas é uma delicia.

O caso com as famílias é que sangue não significa nada. Você só precisa se cercar de gente que te ama. Essas pessoas que são sua família

Elle Kennedy e Sarina  Bowen construiram uma história linda no livro Ele, que merece ser lida. Eu que já era fã dos livros da Elle, sem dúvida, já adicionei mais uma série pra ficar de olho! LOVE ALWAYS WINS!!!

Livro Ele
Autor
: Elle Kennedy e Sabrina Bowen | Tradução: Lígia Azevedo 
Editora: Paralela
Páginas:  256 | ISBN: 9788584391202
Skoob | Goodreads
Para ler: https://amzn.to/2VdnCEF

Ósculos e Amplexos, Karina.

Você poderá gostar de

Nenhum comentário
comentários pelo Facebook

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.