Resenhas

Enfim, capivaras, de Luisa Geisler

27 de novembro de 2019
Enfim capivaras

A cidade no interior de Minas Gerais para onde Vanessa se mudou é o tipo de lugar onde anunciam os horários do cinema e os obituários com o mesmo carro de som. Nada de muito interessante acontece por lá, a não ser para Binho, que, segundo ele mesmo, tem várias namoradas e conhece um monte de cantores sertanejos famosos.
A verdade é que Binho é um mentiroso contumaz e agora passou dos limites: inventou que tem uma capivara de estimação. Cansados das histórias cada vez mais mirabolantes do garoto, Vanessa se junta aos amigos – Léo, Nick e Zé Luís – para desmascará-lo. E eles estão decididos a ir até as últimas consequências.
Narrado durante as doze horas de uma noite regada a álcool, salgadinhos, segredos e romances mal resolvidos, Enfim, capivaras explora, através de diferentes pontos de vista, os relacionamentos entre um grupo de adolescentes em busca de uma capivara – ou muito mais do que isso.

Sinopse Companhia das Letras

Eu nunca havia lido nada da Luisa Geisler, mas quando soube que ela estava se aventurando em sue primeiro livro de literatura jovem, o livro Enfim capivaras, decidi que esse seria meu primeiro contato com a autora.

Enfim, capivaras surge da vontade de autora de escrever um livro em que capivaras estivesse na história e porque não no título não é mesmo. Ele irá retratar a história de um grupo de amigos de escola que se vê perdido em algum lugar do norte de Minas Gerais, por causa de uma história mentirosa envolvendo capivaras.

O livro é uma grande aventura bem nos moldes dos filmes dos anos 1980/1990 como Os Goonies e Conte Comigo, amigos que embarcam em uma aventura sem querer e se veem envolvidos em uma grande confusão. A história é contada através dos pontos de vista de cada personagem em uma contagem conforme as horas vão passando, exceto a de Binho, porque convenhamos ele não é muito lá confiável.

Cada personagem tem características bem marcantes e que dá o tom da aventura. É como se cada um tivesse um papel a desempenhar para tornar aquele grupo tão coeso e estranho e jovem e louco e diferente. Sei lá. Me identifiquei de cara com a Vanessa, não pela sua história, mas pela sua personalidade. Acho que quando somos adolescentes temos amigos assim e quando nos perguntamos porque não vem nenhuma resposta.

Livro Enfim, capivaras, da Luisa Geisler, escrito por Luisa Geisler e publicado pela Editora Seguinte

Durante a FLIPOP tiver o prazer de conhecer a autora e conversar um pouco sobre o livro e a minha leitura. Foi bem legal porque durante o evento pude entender um pouco mais sobre o livro e o processo de escrita e as intenções da autora ao falar da história desses amigos. Claro que aproveitei para autografar a minha edição e agora ela está com uma dedicatória bem legal e divertida

O final é bem interessante, porque não há uma finalização clara. Algumas coisas ficam sem conclusão, mas acho que esse foi o barato do livro, porque a ideia não é ter começo, meio e fim. E sim, relatar aquela aventura que deixa um monte de pontas soltas e o leitor fica meio que “o que aconteceu depois˜. No momento que eu terminei fiquei sentindo um aviso, mas conforme fui processando a história, vi que desse jeito era melhor.

Enfim, capivaras, passou recentemente por censura em uma feira literária na região do sul do país. A alegação era que continha linguagem inapropriada para menores. Gente, eu li o livro e posso dizer que não há nada de diferente que um jovem usa hoje. Nem um comportamento relatado no livro foge da realidade do jovem. Dizer que os personagens não são reflexo da sua juventude hoje vive em uma grande bolha de hipocrisia e sem nenhuma noção do mundo atualmente.

Super recomendo a leitura de Enfim capivaras para todo mundo que curte uma aventura jovem recheada de muita confusão, diversão, reflexão e uma pitada de capivara fofinha.

Enfim, capivaras
Autor
: Luisa Geisler | EditoraSeguinte
Páginas: 176 | ISBN: 9788555340857
Skoob | Goodreads
Para ler: https://amzn.to/2QuYyrj

Mil beijos e até mais!

Você poderá gostar de

Nenhum comentário
comentários pelo Facebook

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.