Vida entre Livros

Paixão por ler

28 de janeiro de 2011
Paixão por ler

Adoro ler!!! Eu tenho uma paixão por ler

Sempre gostei de ler. Tive a sorte de ter um pai que trabalha em uma editora de livros e por isso sempre teve livros em casa. Eu cresci em um ambiente rodeado de livros.

Aprendi a ler em casa. Minha mãe que me ensinou com as cartilhas e livros que meu pai trazia lá da editora.

Depois de aprender a juntar as letrinhas, eu não parei mais. Primeiro eram os letreiros na rua. Meu pai fala que eu era uma chata. Lia tudo que via pela janela do carro: de nomes de ruas até propagandas coladas em poste. E em voz alta, juntando as sílabas. Acho que sou assim até hoje, leio tudo. Continuo chata … rsrsrs. Mas agora faço mentalmente.

Logo em seguida vieram os livros trazidos da editora, eu acho que li todos que existiram lá na minha época. Tive assinatura das revistinhas da Turma da Mônica. Eu engolia as revistas. Eu simplesmente apagava do mundo ao meu redor e só acordava quando terminava a última da pilha.

Os anos foram passando, os livros que chegavam até mim eram da editora. Logo depois, quando comecei a ganhar mesada, eu comprava alguns. Contava os meses e dias para a próxima Bienal do Livro, só para saber das novidades e comprar alguns exemplares. Nunca liguei para número de páginas e tamanho de um livro. Eu queria era ler. TUDO! O problema é que o meu acesso aos livros era muito restrito. Na escola não tinha biblioteca e os amigos não eram muito de ler.

No ensino médio, aumentou a minha vontade pelos livros. Os amigos emprestavam e trocavam (ahh, se não tivessem sido eles, acho que nunca teria conhecido Harry Potter). Havia tempo e prioridade para isso.

Os anos passaram e hoje posso comprar o livro que eu quiser (claro que dentro do orçamento familiar que tenho). Amo livrarias e bibliotecas. Me sinto encantada e em êxtase quando estou em uma. Quer me deixar feliz? Me de uma livraria para visitar, em livro para ler ou qualquer outra coisa que possa remeter a esse universo.

Só que uma coisa aconteceu: meu tempo sumiu. Sumiu de tal forma que até agora não entendo como isso foi acontecer. Ano passado comecei vários livros e não terminei. Juro que não passava do 2º capítulo. Comprei livros que desejava ler e nem toquei neles. Alguns ainda estão no Rio, guardados em armários e caixas (que pecado!).

Mas dessa vez, como meta para este ano, eu irei ler mais. Comecei me  inscrevendo no Skoob para compartilhar as minhas leituras, saber das novidades do mundo “livrístico”, receber sugestões e interagir com outros leitores.

Pra começar o retorno da leitora Karin, irei ler um livro que comprei há muito tempo atrás e que já comecei a ler várias vezes, mas como disse anteriormente, não passei do prefácio.

Quando eu começar a ler, eu posto algo aqui sobre o livro. Não direi o nome, mas vocês já conhecem e muitos aqui talvez até leram.


Mil beijos e até mais!

Você poderá gostar de

7 Comentários
comentários pelo Facebook

  • Responder Patty a.k.a. Delores Vickery 30 de janeiro de 2011 às 09:48

    Nossa, me identifiquei muito com você! 🙂 Também aprendi a ler em casa, mais ou menos assim. Ter um pai trabalhando em editora deve ser o máximo! Beijos!

  • Responder Iris 30 de janeiro de 2011 às 13:46

    Meu pai também trabalhou em editoras, mas fazendo freela de capista e diagramador. Minha família sempre amou ler e herdei esse carinho pelas palavras dos meus pais (: É um sentimento muito gostoso, né?

    • Responder Karin 30 de janeiro de 2011 às 13:54

      Nossa que legal!!!!
      Também herdei isso da minha familia.
      Os livros são minha vida, queria ter mais chances de ter contato com eles … mas acho que isso irá mudar. Afinal, vou fazer Biblioteconomia.

  • Responder Luana Pagung 3 de fevereiro de 2011 às 12:10

    Que delíííícia ter um pai editooooor. Ele pode trazer livros em primeira mão pra você?? *——*
    Que sonho! rs.

    Também sou apaixonada por livros, livrarias, sebos e bibliotecas. Ah, tudo que envolva letrinhas! .___.

    Beijo, Karin.

    • Responder Karin 3 de fevereiro de 2011 às 17:08

      Luana.
      Meu pai não é exatamente um editor, ele é Divulgador da editora (tipo vendedor). A Editora é mais voltada para os livros didáticos (aqueles que a gente usa na escola), mas também tem muitos para-didáticos. (aquele de leitura mesmo)
      Mas a parte de ter livros em casa, realmente é maravilhoso.

  • Responder Por que eu gosto de ler livros? | Prateleira de Cima 14 de fevereiro de 2011 às 06:09

    […] havia falado do meu gosto pelos livros algumas semanas atrás. (acesse o post aqui). Mas nada me impede de responder essa […]

  • Deixe um comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.