Como falar com garotas em festas, do Neil Gaiman, Fábio Moon e Gabriel Bá

21 de março de 2019

Enn é um garoto de quinze anos que nunca se deu bem com as garotas, enquanto seu amigo Vic tem todas a seus pés. Na Londres dos anos 1970, auge do punk rock, os dois estão prestes a viver a aventura mais espetacular das suas vidas. Ao serem convidados para uma festa, conhecem as belas Stella, Triolet e Wain e descobrem mais segredos do que jamais poderiam supor. Do premiado Neil Gaiman, autor de Deuses americanos e Sandman, e adaptado e ilustrado de maneira extraordinária pelos irmãos Fábio Moon e Gabriel Bá, Como Falar com Garotas em Festas é uma graphic novel eletrizante, uma jornada sobre as descobertas do amor, das diferenças e dos mistérios que cercam o amadurecimento. Fonte da sinopse Quadrinhos na Cia

Para quem me conhece minimamente não é segredo que eu amo Neil Gaiman, não é mesmo? Quando finalmente a quadrinhos na cia anunciou que traria para o Brasil a versão do conto do Neil Gaiman com os meus quadrinistas gêmeos favoritos foi um caso de amor ao quadrado, essa HQ é uma adaptação de um dos contos do Gaiman uma  feita pelas mãos dos gêmeos brasileiros e ilustradores Fábio Moon e Gabriel Bá (aqueles que já ganharam vários Eisners por obras deles e por adaptações) então já adianto que a hype se sustenta.

O plot dessa HQ é muito básico, temos dois amigos chamados Enn e Vic na faixa de 16 anos, enquanto Vic tem todo um porte atlético e faz o estilo pegador, Enn é todo magricelo e tímido; Vic tem toda habilidade na hora de xavecar garotas, Enn beijou apenas 3 meninas na vida toda e nunca precisou falar muito com elas.

É partir desse pano de fundo que Vic convence o amigo que eles deveriam ir a uma festa na casa de uma garota que ele conhece para que Enn apenas fale com as garotas, para que eles possam se divertir; Enn resiste bastante mas acaba aceitando e eles partem para a tal festa.

É quando os garotos chegam na festa que o quadrinho engrena e a escrita do Gaiman aparece. Vic logo de cara se aproxima da Stella, a garota mais bela da festa, e parte para o ataque, deixando Enn sozinho com o conselho de CONVERSAR, apenas fale com elas; assim Enn tenta fazer o que o amigo falou, porém, cada garota com quem ele trava um diálogo é mais estranha que a outra, para ele parece que as garotas são literalmente de outro planeta.

 

A narrativa é cheia de lirismo, falas subjetivas, e o traço e as cores acompanham o ar de estranheza; as garotas são descritas pelo Enn como maravilhosamente lindas, porém, os traços entregam olhos grandes, rostos angulosos, corpos esguios até demais, características que se analisadas separadas não traduzem beleza, mas que juntas ficam perfeitas.

Diferente do que o título sugere, essa não é uma HQ tipo manual que tem dicas de como se aproximar do outro, de como falar especificamente com outras garotas, tem muito mais coisas a aprendermos sobre a arte da observação, da arte de escutar e não apenas ouvir ou ainda de nos entender antes de tentar entender o outro.

Depois dessa experiência toda fechei a HQ já querendo reler, para quem já conhece a escrita do Gaiman é um prato cheio, para quem não conhece é uma ótima pedida para sair da zona de conforto e se jogar em novas experiências. Sem dúvida a HQ foi direto para a prateleira dos queridinhos!

 Como falar com garotas  em festas
Autor
: Neil Gaiman | Ilustração:  Fábio Moon e Gabriel Bá | Editora: Quadrinhos na Cia
Páginas:  80 |
ISBN: 9788535929652
Skoob | Goodreads 
Para ler: https://amzn.to/2Jviclc

Ósculos e Amplexos, Karina.

You Might Also Like

1 comentário no blog
comentários pelo Facebook

  • Reply Larissa Zorzenone 15 de maio de 2019 at 16:13

    Nunca li nada do Gaiman, mas tenho vontade de conhecer as obras do autor. Esse livro parece uma ótima maneira de conhecer o autor.

    Vidas em Preto e Branco

  • Deixe seu comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.